NADA COMO O TEMPO!

6_131_schmetterling.jpg

“Com o tempo, você vai percebendo que para ser feliz com uma outra pessoa, você precisa, em primeiro lugar, não precisar dela.

Percebe também que aquele alguém que você ama (ou acha que ama) e que não quer nada com você, definitivamente não é o “alguém” da sua vida.

Você aprende a gostar de você, a cuidar de você e, principalmente, a gostar de quem também gosta de você.O segredo é não correr atrás das borboletas… é cuidar do jardim para que elas venham até você.No final das contas, você vai achar não quem você estava procurando, mas quem estava procurando por você!”

O AMOR É IGUAL A UMA BORBOLETA, QUANDO VOCÊ TENTA PEGA-LA, ELA FOGE, MAS QUANDO VOCÊ ESTA DISTRAÍDO, ELA VEM E POUSA EM VOCÊ!!!!!!!!!!!!!!”

Mário Quintana

Pensieri

“Há um tempo em que é preciso abandonar as roupas usadas, que já tem a forma do nosso corpo, e esquecer os nossos caminhos, que nos levam sempre aos mesmos lugares. É o tempo da travessia: e, se não ousarmos fazê-la, teremos ficado, para sempre, à margem de nós mesmos.”

Fernando Pessoa

O jogo fascinante do desejo

A próxima vez que você for a uma festa dessas de solteiras e solteiros, no lugar de conversar, beber, dançar, preste atenção nas pessoas: vai se divertir muito. No início, as mulheres cruzam a sala de um lado para o outro, se exibindo, enquanto os homens se juntam num canto para fazer uma avaliação geral, tipo “que gostosa”, “a loura é um tesão”, olha as pernas da morena”. Um uisquinho aqui, um vinhozinho ali, vai todo mundo se descontraindo; dançam, paqueram, e a noite vai passando. Mas tem sempre pelo menos um homem que não entra nesse jogo – o dele é outro, diferente. Ele fica num canto, geralmente sozinho, olhando, observando. Não está interessado em fazer a social; está, objetivamente, vendo qual das mulheres desperta o seu desejo, e sua filosofia é a mesma dos homens da Idade da Pedra, que arrastavam as mulheres pelos cabelos até a caverna. Quase todo homem gosta de mulher, mas alguns gostam mais – acima de todas as coisas, eu diria. Esses não perdem tempo com blablablá; o objetivo deles é simples, direto, e, quando encontram a mulher certa, é quase como se estivesse escrito em sua testa: Nada me interessa, só você”. Pode estar ali o presidente do Banco Central, o dono da empreiteira mais poderosa, o político mais famoso, que ele não se desvia, por um minuto sequer, do seu alvo principal e único. A isso poucas mulheres resistem, porque o que uma mulher quer, mais do que tudo, é um homem que a deseje completamente e além de qualquer coisa. Ah, que sensação encontrar um homem assim. Esse tipo não tem muitos amigos e raramente conversa com outros homens, muito menos sobre mulher: ele age – e sempre com grande competência. É tão firme no que quer, seu olhar é tão intenso que, se você é o alvo desse olhar, percebe, mesmo estando do outro lado da sala – e daí em diante a partida está praticamente definida. É o jogo homem/mulher, o mais antigo, elementar, primário e fascinante do mundo e, quando ele acontece, não interessa o tamanho do sobrenome ou da conta no banco. Quando essas duas pessoas se olham, elas se reconhecem e se entendem. São poucos os homens que sabem que conquistar é simples; não é preciso belas palavras nem flores, nem declarações de amor, nem promessas de futuro. Basta desejar muito, pois essa é a maior homenagem que uma mulher pode receber de um homem. E um conselho para eles e elas: esperem o dia em que esse desejo chegar de verdade, violento e forte como devem ser os desejos – seja para tomar um copo de água, comer um churrasco, seja para viver uma paixão. Quando vem inteiro e intenso, ele costuma se realizar e, mesmo que não se transforme numa relação, será uma lembrança inesquecível. Porque essa é a força da vida, e a ela ninguém resiste.

Danuza Leão –

Carta para a Tristeza.

Companheira, sei que você vai chorar quando ler esta carta, mas quero deixar de ver você por uns tempos. vai ser difícil, pois me acostumei à sua presença, porém não vejo mais motivos para continuarmos juntas. não nego sua importância; em diversos momentos difíceis da minha vida você permaneceu comigo, mesmo quando todos se afastaram. só que, com você, sinto que não ando pra frente. esse seu pessimismo me atrapalha.

Tenho tentado evitar você de todas as maneiras, e isso não é legal. ainda mais porque sei que você se magoa por qualquer coisinha. mas basta você chegar e lá se vai minha alegria. não aguento mais seus assuntos mórbidos, a sua cara desanimada. até sexo, com você, ficou sem graça. nada mais broxante do que gente que chora durante a transa.

Perdi anos de minha vida ao seu lado, tristeza, acreditando em tudo que você dizia. que o amor não existe e o mundo não tem jeito. você é péssima concelheira para as suas parceiras – que o digam a Marilyn e a Sylvia*. agora, chegou a hora de dar chance á alegria, que há muito tem mostrado interesse em passar uns tempos comigo. ela me elogia, sabe? você? o único elogio que eu me lembro de ter ouvido você foi que eu fico bem de olheiras.

Veja bem: não estou dizendo que quero acabar com você pra sempre. sei que estou presa a você, de um forma ou de otra, pelo resto da vida. e podemos muito bem ter os nosso momentinhos juntas, aos domingos ou em longas tardes de poesia. só não posso é continuar à mercê dos seus péssimos humores, dia após dia, sabendo que você nunca irá mudar. chega de fornecer moradia à sua pesada existência.

Desde pequena, abro mão de muita coisa pela sua companhia. festas a que não fui porque você não me deixou ir, paisagens lindas nas quais não reparei porque você exigiu de mim total atenção, amigas que perdi porque insiti em levar você comigo a todos os lugares. ora, tristeza, tente ao menos ser mais leve. sorria de vez em quando, pare um pouco de se lamentar. ou vai continuar sendo assim: ninguém querendo ficar com você.

Não vou cobrar o que deixei de ganhar por sua má influência, pois sei que tristezas não pagam dívidas. mas quero de volta meus discos de dance music, que você tirou da prateleira. e minhas roupas estampadas, que sumiram do meu armário depois que você se instalou aqui.

Por favor, não tente entrar em contato comigo com as mesmas velhas razões de sempre. não é a fria lógica dos seus argumentos que irá me guiar daqui por diante. quero ver a vida por outros olhos, que não os seus. quero beber por outros motivos, que não afogar você dentro de mim. cansei da sua falta de senso de humor, do seu excesso de zelo. vá resolver suas carências em outro endereço.

Como me disse Lulu, hoje de manhã, no carro, a caminho do trabalho: “NÃO TE QUERO MAL, APENAS NÃO TE QUERO MAIS”.

Bye Bye

– Fernanda Young

“Casa dos Políticos”

No programa do Amaury  Jr., a cantora e ativista Rita Lee teve uma daquelas idéias brilhantes, dignas do seu gênio criativo.

Reclamando da inutilidade de programas como o Big  Brother, ela deu a seguinte sugestão: colocar todos os  pré-candidatos à presidência da República trancados em uma casa, debatendo e discutindo  seus respectivos programas de governo.


Sem marqueteiros, sem máscaras e sem discursos ensaiados.
Toda semana o público vota e elimina um.


No  final do programa o vencedor ganharia o cargo  público máximo do país. Além de  acabar com o enfadonho e repetitivo horário político, a população conheceria o verdadeiro caráter  dos candidatos. A idéia  não é incrivelmente boa?

Conselhos de um velho apaixonado


“Qdo encontrar alguém e esse alguém fizer seu coração para de funcionar por alguns segundos, preste atenção: pode ser a pessoa mais importante da sua vida.
Se os olhares se cruzarem e, neste momento, houver o mesmo brilho intenso entre eles, fique alerta: pode ser a pessoa que vc está esperando desde o dia em q nasceu.
Se o toque dos lábios for intenso, se o beijo for apaixonante, e os olhos se encherem d´água neste momento, perceba: existe algo mágico entre vocês.
Se o primeiro e o último pensamento do seu dia for essa pessoa, se a vontade de ficar juntos chegar a apertar o coração, agradeça: algo do céu te mandou um presente divino: o AMOR.

Se um dia tiverem que pedir perdão um ao outro por algum motivo e, em troca, receber um abraço, um sorriso, um afago nos cabelos e os gestos valerem mais que mil palavras, entregue-se: vocês foram feitos um pro outro.
Se por algum motivo você estiver triste, se a vida te deu uma rasteira e a outra pessoa sofrer o seu sofrimento, chorar as suas lágrimas e enxugá-las com ternura, que coisa maravilhosa: vc poderá contar com ela em qualquer momento da sua vida.
Se vc conseguir, em pensamento, sentir o cheiro da pessoa com se ela estivesse ali do seu lado…
Se vc achar a pessoa maravilhosamente linda, mesmo ela estando de pijamas, chinelos de dedo e cabelos emaranhados…
Se vc não consegue trabalhar direito o dia todo, ansioso pelo encontro que está marcado para a noite…

Se vc não consegue imaginar, de maneira nenhuma, um futuro sem a pessoa ao seu lado…
Se vc tiver a certeza que ver a outra envelhecendo e, mesmo assim, tiver a convicção que vai continuar sendo louco por ela…
Se vc preferir fechas os olhos, antes de ver a outra partindo: é o amor que chegou na sua vida…
Muitas pessoas apaixonam-se muitas vezes na vida, mas poucas amam ou encontram um amor verdadeiro.
Às vezes encontram e, por não prestarem atenção nesses sinais, deixam o amor passar, sem deixá-lo acontecer verdadeiramente. É o livre-arbítrio. Por isso, preste atenção nos sinais.
Não deixe que as loucuras do dia-a-dia o deixem cego para a melhor coisa da vida: o AMOR!”

(Carlos Drummond de Andrade)

Dia 08 de Março – Dia Internacional da Mulher

mulher_lena_1.jpg

A Mulher ideal … É aquela que é maravilhosa acima de tudo. Que pode com um sorriso provocar amor e felicidade.
A Mulher ideal … É aquela que é simples por natureza. Que pode explanar com simples gestos toda a sua feminilidade e grandeza.
A Mulher ideal … É aquela que sabe como ninguém entender os sinais do amado antevendo lhe os movimentos estando sempre ao seu lado.
A Mulher ideal … É aquela que não seja perfeita, pois somente Deus o é, mas que busque a perfeição em todos os seus gestos.
A Mulher ideal … É aquela que mostra a sua beleza todos os dias, como no primeiro encontro. Fazendo dos momentos com o seu amado um eterno reencontro.
A Mulher ideal … É aquela que mesmo com o passar dos anos, tenha sempre o sorriso de menina, pois o enrugar da pele é ínfimo perante a alma feminina.
A Mulher ideal … É aquela que se apresenta perante a sociedade como a mais formosa dama. Mas quando na intimidade partilhe todos os segredos..
Enfim, a Mulher ideal … É aquela que mesmo não sendo Deusa, sabe como ninguém trazer um pedacinho do céu.

Entradas Mais Antigas Anteriores